Você está em Ajuda > Biografias

Muammar Kadafi

General e político líbio (9/1942-). Nasce em Sirte, segue carreira militar e aos 23 anos torna-se oficial pela Academia Militar da Líbia. Em 1969 lidera um golpe militar que derruba a monarquia pró-Ocidente da Líbia, comandada pelo rei Idris I.

Até 1977 preside o Conselho do Comando Revolucionário da Líbia. Confisca os bens das comunidades italiana e judaica, nacionaliza empresas estrangeiras e impõe uma ditadura militar. Em 1977 torna-se secretário-geral do Congresso Geral do Povo - único partido reconhecido pela Constituição promulgada naquele ano - e presidente do país.

Combina nacionalismo extremado com radicalismo religioso, defendendo um socialismo islâmico. Partidário da união dos países de língua e civilização árabes, empreende uma política de intervenção, sobretudo nos países africanos. Em nome da causa palestina, patrocina ações terroristas no Oriente Médio e na Europa.

Em 1991, os líbios são acusados do atentado a bomba que em 1988 explodira um jato da Pan American em Lockerbie, na Escócia, matando 270 pessoas. O Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas) impõe embargo aéreo à Líbia. Nos anos 90, Kadafi modera a ação política.

Abre a economia ao capital estrangeiro, inicia privativações e, a partir de 1993, combate o fundamentalismo islâmico, ao romper com o Irã, que apóia grupos extremistas. Em 1999, a ONU suspende as sanções e Kadafi visita a África do Sul, sua primeira viagem oficial ao exterior.

Como referenciar: "Muammar Kadafi" em Só História. Virtuous Tecnologia da Informação, 2009-2018. Consultado em 21/05/2018 às 11:53. Disponível na Internet em http://www.sohistoria.com.br/biografias/kadafi/